“Temos EPI’s para enfrentar essa pandemia por até 6 meses”, garante Mauro Mendes

Fonte:

Mato Grosso recebeu na tarde desta terça-feira (26) milhares de equipamentos hospitalares e e de proteção que serão utilizados na rede estadual de Saúde, no enfrentamento a pandemia do coronavírus. Ao todo, são 120 respiradores, além de macacões, protetores faciais, máscaras cirúrgicas e do tipo N95 e 215 monitores. O governador Mauro Mendes (DEM) esteve pessoalmente no Aeroporto Marechal Rondo para receber o carregamento e disse que o Estado, agora, terá capacidade de enfrentar a Covid-19 por até 6 meses, caso necessário.

“Nós temos EPI’s para enfrentar essa pandemia por até 6 meses se for necessário. Estamos fazendo todo esse trabalho, o secretário Gilberto e sua equipe estão de parabéns, existe uma força-tarefa no Governo, muita gente envolvida nisso para que nós possamos atender bem a população nesse momento de dificuldades. Nós vamos continuar a ampliação de leitos, para que com os leitos disponíveis nós possamos tocar a nossa vida”, disse o governador.

Os equipamentos foram comprados na China e custaram R$ 7,3 milhões. Do total de respiradores, 100 são para Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no valor de US$ 13,4 mil, cada um, que corresponde a R$ 68,4 mil, da época da compra. O valor total pago pelos aparelhos foi de R$ 6,8 milhões (US$ 1,3 milhão).

Matéria continua após a publicidade

No total, Mato Grosso adquiriu 120 respiradores, 215 monitores, 40 mil macacões de proteção, 5 mil protetores faciais, 500 mil máscaras cirúrgicas, e 50 mil do tipo KN95, que serão destinados às unidades hospitalares estaduais.

O Estado também comprou 20 ventiladores para transporte de emergência, ao custo unitário de R$ R$ 25,5 mil, o que totalizou uma compra de R$ 510,6 mil. Neste caso, a diferença chega a ser 11,1% menor, em relação a outros Estados.

Fonte: Olhar Direto