Sinop Energia nega influência em poluição e morte de peixes no rio Teles Pires

Fonte:

Apontada como possível responsável pela mortandade de milhares de peixes no rio Teles Pires, nos últimos dias, a Usina Hidrelétrica (UHE) Sinop divulgou Nota de Esclarecimento para assegurar que a ocorrência estava prevista no licenciamento ambiental. A empresa não enxerga o fato como sendo  destruição do meio ambiente, em Mato Grosso.

Controlada Usina Norte Fluminense S.A. (EDF NF),  do Grupo EDF (Electricité de France), a Sinop Energia tem acumulado um histórico de rivalidade com ambientalistas.

“A possibilidade dessa ocorrência é prevista no período de operação, conforme licenciamento ambiental, considerado um impacto negativo dentre outros diversos impactos positivos decorrentes da implantação do Empreendimento”, diz a companhia, em sua Nota.

Matéria continua após a publicidade

A denúncia dos estudioso do meio ambiente é de que, durante o enchimento do reservatório da hidrelétrica, toda a vegetação do local escolhido para abrigá-lo deixou de ser removida pela concessionária e essa grande quantidade de biomassa começou a se decompor, dentro d’água. “Ao se decompor a gente tem um problema muito sério”, explica o professor Wagner Ribeiro do Departamento de Geografia e do Programa de Pós-Graduação em Ciência Ambiental da Universidade de São Paulo (USP).

“(Isso) diminui a oxidação da água e faz com que diversas formas de vida, principalmente peixes, tenham uma falta de condição para se manter e reproduzir”, justificou Wagner Ribeiro.

A  mortandade de peixe ao longo do rio provocou  devastação e atingiu as cidades de Cláudia e Sinop.

“O que a gente acaba assistindo muitas vezes é que aquilo que é escrito, assinado e acordado não é cumprido, então nós não temos muitas vezes capacidade técnica. O desmonte do Estado, seja na escala estadual, como nesse caso, seja na escala federal, de fato colabora para que esse tipo de ação acabe sendo adotada e culmina com a impunidade”, complementou o professor da USP.

Veja a íntegra da nota da Sinop Energia.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

16.03.20

A Sinop Energia informa que devido ao movimento (giro) da Unidade Geradora 02, em manutenção, percebeu o perecimento de indivíduos de peixes, no dia 16 de março de 2020, a jusante do barramento da Usina Hidrelétrica (UHE) Sinop. A possibilidade dessa ocorrência é prevista no período de operação, conforme licenciamento ambiental, considerado um impacto negativo dentre outros diversos impactos positivos decorrentes da implantação do Empreendimento. A Sinop Energia fez a comunicação à Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMA/MT) e tomou as providências cabíveis já previstas no licenciamento ambiental.