Membros do PCC e Comando Vermelho se enfrentam a facadas dentro de cadeia em MT

Fonte:

Dois presidiários, 23 e 27 anos, sendo um do Comando Vermelho e outro do Primeiro Comando da Capital (PCC), facções criminosas rivais, entraram em luta corporal e se agrediram a facadas durante a noite dessa terça-feira (14).

A confusão teria começado após um deles receber ordem de execução por meio de mensagem de celular encontrado no interior do Centro de Ressocialização de Sorriso (420 km da Capital).

A morte dos dois bandidos foi evitada depois que os agentes penitenciários perceberem uma movimentação ‘estranha’, flagraram o momento do confronto e conseguiram impedir o homicídio.

Matéria continua após a publicidade

Durante buscas nas celas dos internos, um celular foi apreendido, onde um dos envolvidos tinha recebido ordem para executar o rival.

As ‘facas’ usadas durante a luta, fabricadas artesanalmente, também foram recolhidas.

Os agentes registraram a ocorrência na Delegacia de Polícia Civil do município e os policiais investigam como os presos tiveram acesso ao celular e as armas brancas.

Não há informações se os bandidos precisaram ser encaminhados a alguma unidade de saúde.

O Repórter MT entrou em contato com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp-MT) que confirmou a ocorrência de agressão, porém, negaram a causa da briga.

De acordo com a Sesp, os dois bandidos não são membros de facção e são da ala evangélica da cadeia. A causa da briga seria por que um ‘desaforou’ o outro, considerado ‘muito bravo’, que não aceitou o atrevimento e iniciou as agressões.

Os bandidos já teriam se perdoado e estão ‘amigos’ novamente.

Fonte: Repórter MT