Com 4 casos confirmados e 22 suspeitos de Covid-19, Câmara de Cuiabá fica fechada até dia 28

Fonte:

Com quatro casos confirmados de Covid-19, um curado e 22 casos suspeitos da doença, a Câmara de Cuiabá editou nova portaria na tarde desta quinta-feira (18), prorrogando as atividades funcionais na modalidade remota até o dia 28 de junho.

Dois dos casos confirmados da doença são dos vereadores Orivaldo da Farmácia e Juca do Guaraná, que testaram positivo para Covid-19.

Também será permitida a entrada e a permanência de dois assessores parlamentares por vereador em cada gabinete, tão somente as quartas e quintas-feiras, no período das 07h30 às 13h30, para desempenho das atividades presenciais.

Matéria continua após a publicidade

O presidente da Câmara de Cuiabá,  vereador Misael Galvão, explicou que tal iniciativa torna-se imprescindível, considerando a necessidade de preservar a saúde dos munícipes, servidores e parlamentares.

A portaria ainda prevê que apenas os responsáveis pelos setores indispensáveis pelo regular funcionamento das atividades legislativas e pela transmissão das sessões virtuais e reuniões parlamentares através da plataforma digital, poderão ter acesso às dependências do parlamento municipal.

Embora tenham sido adotadas todas as medidas possíveis para evitar a propagação do Covid-19, em nenhum momento os servidores deixaram de exercer suas atividades ou comprometeram a produtividade parlamentar da Casa de Leis. As agendas de sessões plenárias virtuais, reuniões de comissões permanentes e de comissões parlamentares de inquérito instauradas na Câmara Municipal estão desenvolvendo normalmente suas agendas.

Por fim, Misael ressaltou que os demais servidores continuam cumprindo suas metas estabelecidas pelos gabinetes e pela administração via trabalho remoto, pois “não se trata de recesso ou férias para os servidores”.